GitHub Copilot

O GitHub Copilot acabou praticamente de ser lançado e já criou um mar de opiniões a respeito e tambem muita polêmica.

Inicialmente, o recurso do GitHub, o GitHub Copilot era gratuito, mas nem tudo que e bom dura para sempre e as coisas mudaram neste mês de Julho/2022.

Isto porque o GitHub Copilot seré pago – e você acreditando que uma ferramenta deste calibre ficaria aberta por muito tempo. Triste alma!

Mas voltando, não é de se surpreender que os grandes tubarões da tecnologia ficariam de fora desta e a Google entrou no jogo.

Mas ao contrário do GitHub, que pertence à Microsoft, a gigante de tecnologia Google não abriu para o publico.

Trata-se de uma versão para uso interno das equipes do Google – que egoismo da gigante de tecnologia, mas tudo bem.

Vou descrever a seguir o que a Google acabou aprontando. Vamos lá!

A versão própria do GitHub Copilot da Google

Segundo a propria Google, o modelo desenvolvido e relativamente pequeno, com 500 milhões de parâmetros.

Além disto, ele é treinado em 8 diferentes linguages, a saber: C++, Java, Python, Go, Typescript, Proto, Kotlin e Dart.

Segundo a gigante, em um teste de 3 meses e 10 mil desenvolvedores, constatou-se um aumento significativo de produtividade.

Foram 6% menos tempo gasto na iteração de código (desconsiderando builds e testes) e uma redução de 7% na necessidade de buscar informações fora da IDE.

Ou seja, Stackoverflow com os dias contados – inacreditável viver sem dar uma espiadinha quando pinta um problema no codigo.

Portanto, 3% do novo codigo produzido na empresa já é gerado a partir deste novo sistema. Bacana, nao?


Já conhece meus cursos ou material que disponibilizo para o aprendizado da programação? Não?

Entre na página da Reverb Treinamentos no Instagram, acesse os links na bio e conheça hoje mesmo os treinamentos.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here